quinta-feira, 14 de julho de 2011

Conheça nossos representantes na Jornada Mundial da Juventude




Um encontro reunirá jovens de todo mundo com um único objetivo: a evangelização. Trata-se da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que será realizada em Madrid, na Espanha, entre os dias 16 e 21 de agosto.

A Diocese de Joinville contará com três representantes: Daniela de Sousa, integrante da Missão Totus Tuus, Rodrigo Luiz da Silva, coordenador do Setor Juventude da Diocese de Joinville e padre José Vicente Omena. Uma experiência inédita para os dois jovens, e desafiadora para o padre referencial.

De acordo com padre Vicente, a jornada é um encontro de missão e experiência para os jovens, além de aproximá-los do maior líder da Igreja Católica: o Papa Bento XVI. Para Rodrigo, este será o momento mais aguardado, onde jovens do mundo inteiro estarão unidos.

Qualquer jovem pode participar a JMJ. Mas de uma forma geral, a característica principal dos inscritos está na atuação destes nas pastorais e movimentos. Conforme padre Vicente, a oportunidade de acompanhar Rodrigo e Daniela surgiu durante a reunião diocesana do clero, onde ele e outros padres se mostraram interessados em participar do evento. Passado quatro meses após a confirmação de sua participação na jornada, o padre afirma que houve uma aproximação muito maior com a juventude. “Tive formação salesiana e estava me sentindo um pouco distante dos jovens”, comenta.

De lá pra cá, os três – que até então não se conheciam- passaram a estabelecer contato frequente. Resultado: a troca de experiências e as amizades já começaram a surgir. Eles irão através da delegação oficial do Setor Juventude (CNBB) e estão ansiosos para o que lhes aguarda em Madrid. Os inscritos para o encontro já mantém contato desde já. De acordo com Daniela, em uma página da internet são postadas informações e impressões sobre o evento, e os participantes que irão representar o Brasil já estabelecem contato. As redes sociais são fundamentais para a aproximação dos jovens da jornada.

A escolha do continente em que será realizado a JMJ se dá principalmente pelas características religiosas atuais. A Europa, por exemplo, apresenta uma crise religiosa no momento. Desde o Papa João Paulo II (idealizador da jornada) são observadas as necessidades de evangelização de cada região. De acordo com padre Vicente, a visão do Papa de que a juventude é o futuro da Igreja já demonstrava sua preocupação com essa geração. “Esta foi uma das mais belas iniciativas que ele teve”, reforça.

A possibilidade de aprender através do contato com novas culturas e nacionalidades é o que mais chama a atenção de Daniela e Rodrigo. “O surgimento dessa oportunidade serviu para reforçar o chamado da nossa missão com a juventude”, conta Daniela. Já para Rodrigo, este é um momento para o aprofundamento da fé.

A representatividade da Diocese de Joinville vai além da participação na JMJ de Madrid. O próximo evento, que será realizado em 2013, poderá ter o Brasil como sede. Daniela, Rodrigo e padre Vicente Omena utilizarão a oportunidade para conhecerem o funcionamento do encontro e auxiliarem na organização da Jornada Mundial da Juventude no Brasil. Será mais um combustível para os jovens brasileiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário